Inaugurado no Palmital o 7º Ecoponto de Santa Luzia

[ad_1]

Foi inaugurada na tarde da sexta-feira, 15 de janeiro, com a presença do prefeito Delegado Christiano Xavier, a sétima unidade do Projeto Ecopontos de Santa Luzia. Desta vez, o ponto escolhido foi na Av. Estefânia Sales Sotero s/n, esquina com Av. Teresa Lourenço Rodrigues, no bairro Palmital B, um local onde antes havia um terreno baldio que com frequência servia de depósito irregular para o descarte de lixo e entulho.

O novo equipamento, de porte 2, está construído numa área de 600m2, com mais cerca de 150m2 de estacionamento. Ali foram levantadas sete baias fixas e estarão sempre disponíveis 3 caçambas. Também há um escritório equipado com banheiro e uma rampa para o acesso dos carroceiros às caçambas. A pavimentação é de brita. No local trabalhará um funcionário de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h.

Os ecopontos estão aptos a receber descartes das pessoas em até 1m3/dia de itens como entulho, restos de poda e jardinagem, pneus, vidros, lâmpadas, eletroeletrônicos e recicláveis. Também contam com coletores de pilhas e baterias. Não recebem: lixo orgânico, animais mortos, óleos e medicamentos.

“Este é um projeto que está dando super certo”, disse o prefeito. “É mais um passo importante para fortalecer as ações de coleta seletiva no município”, concluiu. O secretário de Meio Ambiente, Agricultura e Abastecimento, Wagner Silva da Conceição, também presente à inauguração, ressaltou que além do benefício ambiental os ecopontos também geram economia aos cofres públicos: “Antes deles, a secretaria de Obras tinha de empenhar constantemente máquinas e caminhões para remover descartes irregulares”, disse.

Atualmente já estão em funcionamento na cidade os seguintes ecopontos: Porte 1 – São Benedito (Av. Senhor do Bonfim) e Palmital (rua Etelvino Souza Lima); Porte 2 – Boa Esperança (Horto Florestal) e Palmital B e Porte 3 – Palmital (Setor 7), Frimisa (ao lado da E.M. Dagmar Barbosa de Souza) e Cristina B (Campo do Colorado), todos construídos em locais estratégicos onde até então se fazia descartes irregulares de resíduos sólidos, principalmente de restos provenientes da construção civil.

A previsão da Prefeitura é que mais 20 sejam construídos ao longo dos próximos quatro anos. O próximo a ser inaugurado, será o do bairro Londrina, cujas obras estão prestes a ser iniciadas. Este estará localizado na Rua Virginópolis e será de porte 3. Em seu discurso, o prefeito anunciou outras melhorias para a questão ambiental, dentre elas a abertura dos ecopontos também aos sábados e domingos, a instalação de aberturas nos muros das escolas municipais as quais também servirão de pontos de descarte e o fomento para a criação de associações e cooperativas de catadores no município.

Participaram da inauguração, os vereadores: Wander Carvalho,  Nandinho, Lelei do salão, Du do Salão, Paulo Pretão e Cristiano Matos, além de autoridades municipais.


[ad_2]
Fonte: -> Fonte Desta Notícia