Operação apreende peças arqueológicas em Belo Horizonte vendidas em rede social | Minas Gerais

[ad_1]

De acordo com o promotor Marcos Paulo Miranda, ao todo foram apreendidos 60 itens, incluindo moedas do período imperial, botões, fragmentos de armas de fogo, quatro projéteis de artilharia, cravos, fivelas, espelhos de fechaduras e alguns artefatos de uso ainda desconhecido.

O material pode contribuir para esclarecer detalhes de revoltas que aconteceram no estado no século XIX. As teriam sido retiradas do sítio Recanto dos Bravos, em Santa Luzia, na Região Metropolitana da capital mineira.


[ad_2]
Fonte: -> Fonte Desta Notícia