Prefeitura de Santa Luzia lança plataforma educacional

[ad_1]

Ferramenta disponibiliza conteúdo curricular para alunos da rede municipal de ensino durante período de quarentena

Foi lançada, na manhã desta sexta-feira (8), a “Com Clique”, plataforma online da Prefeitura de Santa Luzia que disponibilizará conteúdo curricular para os alunos da rede municipal de ensino durante o período de quarentena, estabelecido pela pandemia do novo coronavírus. A plataforma irá auxiliar no aprendizado dos alunos durante o isolamento, permitindo que as atividades sejam feitas em casa. Para utilizar é bem simples, por meio do link https://sites.google.com/view/comcliquesantaluzia

O acesso poderá ser feito tanto pelo computador, quanto por celular (smartphone). Porém, os alunos que não tiverem essa possibilidade também terão todo conteúdo disponibilizado nas escolas. O material estará disponibilizado em dias e horários alternados, dependendo de cada ano escolar, para impedir que haja aglomeração dentro das instituições de ensino.

A plataforma foi criada pela equipe da Secretaria Municipal de Educação. O conteúdo será produzido pela Superintendência de Ação Pedagógica, mas os professores da rede poderão dar sua contribuição, dando sugestões de atividades e gravando vídeos com explicações referentes à assuntos relacionados às questões. As atividades desenvolvidas tanto por meio da plataforma, como aquela que for buscada de forma presencial pelos alunos, valerão como carga horária e serão avaliadas.

“A base de todas as atividades é o Currículo Referência de Minas Gerais. Não se trata de substituir o papel dos profissionais da educação, os quais jamais serão substituídos nesta gestão. Iremos juntos, aos poucos, chegar à um modelo que irá contribuir para o crescimento de todos e solucionar esta questão de aprendizagem dos nossos alunos nesse período”, disse o Secretário Municipal de Educação, Ermelindo Martins Caetano. “Somente após orientações do Ministério da Educação teremos uma posição formal sobre o retorno às aulas. Enquanto isso, iremos utilizar da plataforma digital e atividades que serão entregues de forma organizada e respeitando todas as normas de isolamento e prevenção determinadas pela Organização Mundial da Saúde”, finalizou Caetano.

Será encaminhada uma orientação para os profissionais da Educação, estudantes e pais/ responsáveis. A resolução normatizando a plataforma educacional será publicada até a próxima segunda-feira (11).

Acompanhe também as nossas redes sociais:


[ad_2]
Fonte: -> Fonte Desta Notícia