Portal Santa Luzia Net - Pagina Inicial


Receba Nossas Noticias diretamente no seu email

Prefeitura realiza encontro com  líderes comunitários de  ocupações e regiões não regulares para informar publicação de Decreto que permite aos moradores o direito ao número residencial e acesso a serviços de água, luz e outros essenciais



Na manhã desta segunda-feira (2), o prefeito de Santa Luzia, delegado Christiano Xavier e o vice, Pastor Sérgio receberam no gabinete do Executivo, líderes comunitários que representam ocupações situadas no município.
O motivo do encontro  foi para falar sobre  o   Decreto 3491 que  regulamenta a concessão de numeração oficial para edificações situadas em áreas passíveis de regularização fundiária, com a finalidade de  viabilizar o requerimento de  prestação de serviços públicos  de  fornecimento de  energia elétrica, água e esgoto. A iniciativa vai dar dignidade para os moradores destes locais.

A concessão da numeração oficial não implica declaração ou reconhecimento de posse, propriedade ou regularização fundiária, urbanística ou ambiental do imóvel, nem isenta o proprietário da aprovação do projeto arquitetônico da edificação e do cumprimento das demais exigências legais.

A numeração oficial somente será concedida para edificações já existentes até a data da edição deste Decreto, localizadas em assentamentos declarados passíveis de regularização fundiária no Plano Municipal de Regularização Fundiária Sustentável do Município de Santa Luzia, aprovado pelo Decreto nº 3.476, de 10 de outubro de 2019. Não será concedida numeração oficial para lotes vagos.

Compareceram representantes da ocupação Izidora,  formada pelas comunidades  Rosa Leão, Esperança e Vitória, considerada a maior área de conflito fundiário da América Latina,  onde moram  aproximadamente 9 mil famílias, totalizando 30 mil pessoas, quase em sua totalidade usuárias dos serviços públicos de Santa Luzia. Também compareceram representes do bairro Nova Conquista, Duquesa II e Casa Branca.  Durante o encontro, os representantes destas ocupações falaram de suas principais dificuldades e apresentaram algumas demandas ao gabinete do executivo. 

O chefe do executivo também solicitou aos líderes comunitários que  encaminharem reuniões em conjunto com a Prefeitura de Belo Horizonte e que façam um levantando mais detalhado das demandas dos moradores, para que a partir deste levantamento sejam traçadas estratégias para  melhoria da qualidade de vida dos residentes nestas ocupações, proporcionando a eles acesso a serviços básicos.



Fonte: -> Fonte Desta Notícia

Junte-se ao Nosso Canal No Telegram - -
Junte ao nosso canal no Telegram e participe de todas a publicações em primeira mão -- 1243325

Clique Aqui e Participe Já



Os artigos aqui publicados foram recolhidos pela internet com referência as suas devidas fontes no campo (Fonte) e tem sua responsablidade de seus criadores, caso você se sinta ofendido ou queira a remoção de alguma informação favor entrar em contato conosco aqui



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mude para versão para dispositivos móveis deste site