Vacinação contra gripe é estendida a toda população

[ad_1]


Campanha segue até 14 de junho e objetivo é vacinar principalmente grupos prioritários que não alcançaram a meta

A partir desta segunda-feira (3), a Prefeitura de Santa Luzia está ofertando a vacina contra a influenza para toda a população, conforme determinação do Ministério da Saúde em nota divulgada na última semana. A campanha segue até o dia 14 de junho e, no município, o principal objetivo é alcançar os grupos prioritários que ainda não atingiram a meta: crianças menores de seis anos e gestantes.
Apesar de ter iniciado em 10 de abril, apenas 70,36% dos 16.371 menores de seis anos foram imunizados. Em se tratando de gestantes, os números são um pouco melhores. Mais de 1.890 mulheres grávidas tomaram a vacina, o que corresponde a 84,01%. Todos os demais grupos alcançaram a meta, sendo que, até 29 de maio um total de 44.946 pessoas tomou a vacina, correspondendo a 90,01% do público alvo.
A meta da Secretaria Municipal de Saúde é vacinar, pelo menos, 90% de cada um dos grupos prioritários contra influenza. No ano de 2018, o município imunizou 90,92% do público alvo, alcançando o preconizado pelo Ministério da Saúde.
Os grupos prioritários são formados por crianças de seis meses a menores de seis anos (5 anos, 11 meses e 29 dias); gestantes; todas as mulheres no período até 45 dias após o parto; trabalhador da saúde; professores; povos indígenas; indivíduos maiores de 60 anos; adolescentes e jovens de 12 a 21 anos de idade sob medidas socioeducativas; população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional e pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais independe da idade (a vacinação deste grupo deve ser realizada em todos os postos. No entanto, mantém-se a necessidade de prescrição médica especificando o motivo da indicação da vacina, que deverá ser apresentada no ato da vacinação)
Durante a campanha, também serão disponibilizadas as demais vacinas do Calendário Nacional de Vacinação, para atualização da Caderneta de Vacinação da criança e da gestante. A ação busca o resgate e vacinação de não vacinados.


[ad_2]
Fonte: -> Fonte Desta Notícia